Recentemente cientistas estavam estudando o aumento da poluição aos arredores da cidade de Krasnouralsk, na região de Tyumen Oblast, Rússia, eles resolveram capturar os anfíbios da região para um estudo mais detalhado, porem ele notaram algo diferente os animais eram mutantes.
Os animais possuíam uma pele completamente transparente, através da qual seus esqueletos e órgãos internos podiam ser vistos, enquanto outros possuíam dedos extras em cada membro ou crescimento anormais nos ombros.
” Seus olhos são absolutamente pretos e os órgãos internos visíveis através da barriga. Você pode ate ver o coração dele batento”, disse o chefe de zoologia do instituto de Ciências Naturais da Universidade do Distrito Federal de Ural, Vladimir Vershinin.

35B8496E00000578-0-image-m-7_1467033413076
Fotos: Reprodução / Daily Mail

Os cientistas que estão estudando o caso afirmam que a poluição ambiemtal é a grande responsável pela mutação. Agora, os pesquisadores planejam realizar testes nas rãs para tentar estabelecer as causas exatas das mutações. Até o momento, a mais propensa causalidade é uma fábrica abandonada de produtos químicos nas proximidades. Segundo Dr. Vershinin, esses químicos vazaram dos tanques de armazenamento para os lagos, deixando as águas cor de laranja.

35B9503600000578-3662245-image-a-1_1467041428984
Krasnouralsk (marcado no mapa) foi criada em 1832, quando o ouro foi descoberto lá. Fotos: Reprodução / Daily Mail