Explosões de gás poderia explicar Triângulo das Bermudas

853

Há muito tempo o Triângulo das Bermudas tem intrigado vários cientistas e estudiosos do assunto, ao que parece o mistério pode ter chegado ao fim, e que foram descobertas enormes crateras subaquáticas no fundo do mar de Barents, situado ao Norte da Noruega e da Rússia, pode ser a explicação mais viável para os misteriosos desaparecimento de navios e aviões naquela região.

Crateras com quase 1 KM de largura e de até 45 metros de profundidade foram encontradas pelos cientistas da Universidade do Ártico da Noruega.Eles acreditam que essas crateras foram formadas por acúmulos de metano ao largo da costa norueguesa, rica em gás natural.

O metano teria vazado de reservas de gás natural ainda mais abaixo da superfície e criado as crateras ao explodirem, tais gases ao explodirem poderiam ter criado bolhas que subiam ate a superfície.

Os detalhes da descoberta vai ser lançado no próximo mês na reunião anual da União Européia de Geociências, á pergunta chave é se tais bolhas poderia ameaçar navios. Uma ideia é que eles podem explicar o desaparecimento de navios em áreas como o Triângulo das Bermudas.

002E718C00000258
Cientistas da Universidade do Ártico da Noruega descobriram enormes crateras subaquáticas no Triângulo das Bermudas, o que pode explicar navios desaparecidos.

3227F6A40000057